22 de maio de 2024

Dirty Steak: Como Fazer Churrasco Direto na Brasa

A imagem mostra um steak direto sobre as brasas.
Dirty Steak

“Tira daí, você tá louco!” Essa vai ser a frase mais ouvida quando você demonstrar essa técnica super diferente para seus amigos e convidados. O Dirty Steak é um modo de fazer carnes diretamente sobre as brasas, sem grelha ou espeto. Sim, é ousado, inovador, divertido e também delicioso, e nesse artigo vamos descobrir como trabalhar com essa “novidade” que existe desde os homens das cavernas.

O Que é Dirty Steak?

O “dirty steak” (também conhecido como caveman steak) é uma técnica de preparo de carne na churrasqueira que desafia as convenções tradicionais. Ao contrário dos métodos convencionais, que envolvem grelhar a carne sobre a grade da churrasqueira, o “dirty steak” consiste em cozinhar a carne diretamente sobre as brasas, sem qualquer proteção ou tempero na superfície. Essa abordagem única proporciona uma crosta defumada e levemente carbonizada na parte externa da carne, enquanto o interior fica suculento e macio, resultando em uma experiência sensorial verdadeiramente excepcional.

Vantagens do Dirty Steak

As vantagens do “dirty steak” são inúmeras e atraentes para os apreciadores de churrasco. A simplicidade de preparo é uma das principais vantagens, já que o método requer poucos ingredientes e utensílios. Além disso, o sabor defumado intenso é uma característica marcante do “dirty steak”, que adiciona uma camada adicional de complexidade ao perfil de sabor da carne. A textura única, com uma crosta caramelizada por fora e suculência por dentro, é outra razão pela qual essa técnica tem conquistado tantos adeptos.

Além disso, pode ser uma opção para se fazer churrasco sem grelha, em acampamentos, trilhas e outras situações semelhantes.

Preparando o Dirty Steak

1. Escolha da Carne:

  • Comece selecionando um corte de carne de alta qualidade, como bife de contrafilé, bife de costela ou bife de chorizo. Cada um desses cortes tem uma textura e sabor únicos que se prestam bem ao método do dirty steak.

2. Temperando a Carne:

  • Aqui é necessário cuidado. Os temperos tradicionais podem funcionar, mas lembre-se que a proximidade da fonte de calor fará com que queimem mais rápido, então, procure por temperos que respondam bem ao calor. Para não errar, deixe para temperar depois de preparado.

3. Preparação da Churrasqueira:

  • Acenda a churrasqueira e deixe as brasas se formarem até que estejam bem quentes e incandescentes. O objetivo é criar uma cama uniforme de brasas para grelhar a carne diretamente sobre elas. Foque aqui na palavra UNIFORME, alguns churrasqueiros chegam a “amassar” a brasa com uma panela para deixá-la toda plana, isso ajudará sua peça a ser assada por igual.

4. Grelhando a Carne:

  • Uma vez que a churrasqueira está pronta, coloque a carne diretamente sobre as brasas, evitando as chamas diretas. A proximidade das brasas permite que a carne desenvolva uma crosta carbonizada e um sabor defumado distintivo.
  • Grelhe a carne por alguns minutos de cada lado, virando regularmente para garantir um cozimento uniforme e uma crosta caramelizada por fora.
  • É possível que ao virar a carne você note que a brasa sobre a qual o steak estava tenha se apagado. Isso acontece por que o a peça corta o fluxo de oxigênio, e é justamente isso que torna esse preparo possível, já que o calor vai diminuindo gradativamente e não queima tudo. Se for o caso, coloque o outro lado do steak sobre brasas acesas.

5. Descanso e Servir:

  • Após grelhar a carne ao seu ponto desejado, retire-a da churrasqueira e deixe-a descansar por alguns minutos antes de cortar e servir.
  • O descanso permite que os sucos se redistribuam uniformemente pela carne, garantindo uma textura suculenta e saborosa em cada mordida.

Uma Abordagem Híbrida

Apresento aqui a técnica híbrida, testada e aprovada pessoalmente em algumas ocasiões: reverse searing e dirty steak. Com ela podemos atingir o ponto perfeito da carne primeiro e finalizá-la sobre as brasas, resultando em uma experiência gastronômica incomparável.

O reverse searing e o dirty steak têm suas próprias vantagens distintas. O reverse searing permite um controle preciso sobre o ponto de cozimento da carne, garantindo que ela fique suculenta e uniformemente cozida por dentro, com uma crosta caramelizada por fora. Por outro lado, o dirty steak oferece uma abordagem mais rústica, onde a carne é grelhada diretamente sobre as brasas, resultando em um sabor defumado e uma crosta irresistivelmente carbonizada. Combinar essas duas técnicas permite obter o melhor dos dois mundos: a suculência e o controle do reverse searing, juntamente com o sabor defumado e a textura única do dirty steak.

Como Preparar o Reverse Searing e Dirty Steak Híbrido: Passo a Passo

Pré-aquecimento e Preparação da Carne:

  • Comece pré-aquecendo sua churrasqueira para alcançar uma temperatura alta.
  • Tempere a carne de sua escolha com sal e pimenta, garantindo uma cobertura uniforme em todos os lados.

Ponto de Cozimento:

  • Utilize o método do reverse searing para pré-cozinhar a carne a uma temperatura baixa e precisa.
  • Procure áreas de calor indireto em sua churrasqueira, ou caso possua o luxo de um segundo andar, pode também usá-lo até atingir o ponto desejado. Lembre-se: se ainda estiver inseguro para determinar o ponto da carne, utilize um termômetro.
  • Se preferir o método sous vide, coloque a carne em uma sacola a vácuo e cozinhe-a em um banho-maria a uma temperatura precisa por um período de tempo determinado.

Finalização sobre as Brasas:

  • Uma vez que a carne atingiu o ponto de cozimento desejado, transfira-a para a churrasqueira pré-aquecida.
  • Grelhe a carne diretamente sobre as brasas, conforme explicado na técnica de dirty steak.
  • Continue grelhando até que a carne esteja perfeitamente selada e atinja o ponto de caramelização desejado.

Descanso e Servir:

  • Após retirar a carne da churrasqueira, deixe-a descansar por alguns minutos antes de cortar e servir.
  • Aproveite o sabor único e a textura suculenta do reverse searing e dirty steak híbrido, e prepare-se para receber elogios dos seus convidados.

Dicas e Recomendações

Para obter os melhores resultados ao preparar um “dirty steak”, siga algumas dicas simples. Escolha cortes de carne mais grossos, que resistam ao calor intenso das brasas sem ficarem muito passados. Além disso, controle a temperatura da churrasqueira, ajustando a altura das brasas conforme necessário para evitar que a carne queime. Acompanhe o “dirty steak” com sal grosso e um toque de pimenta preta moída na hora para realçar os sabores naturais da carne.

Considerações Finais

O “dirty steak” é uma técnica de preparo de carne na churrasqueira que oferece uma experiência gastronômica única e memorável. Com sua simplicidade de preparo, sabor defumado intenso e textura irresistível, o “dirty steak” é uma excelente escolha para quem busca surpreender os convidados em um churrasco. Experimente esta técnica em sua próxima sessão de churrasco e desfrute de todo o sabor e alegria que o “dirty steak” tem a oferecer!

Artigos Relacionados